IV CONTAJ / SOBRE O LOCAL

Cidade Histórica

Cidade Histórica de Porto Seguro

A Cidade Histórica é o primeiro núcleo habitacional do Brasil. Monumento nacional desde 1973, ostenta um conjunto arquitetônico de insuperável beleza, tombado em 1968: o Marco de Posse (1503 ou 1526); a Igreja de Nossa Srª da Pena (1535), com imagens sacras dos séculos XVI e XVII; a Igreja de Nossa Senhora da Misericórdia (construída em 1526 e reconstruída em 1535), com imagem do Nosso Senhor dos Passos; a Igreja de São Benedito (1549 ou 1551), construída pelos Jesuítas e a Casa de Câmara e Cadeia (1756), onde funciona o Museu de Porto Seguro. Da Cidade Histórica se vislumbra uma bela vista panorâmica da Orla Norte e do centro da cidade de Porto Seguro.

Passarela do descobrimento

Passarela do Descobrimento

A Passarela do Descobrimento é um dos principais cartões-postais da cidade, com uma deslumbrante vista do cais, separando, de um lado o encontro do Rio Buranhém com o mar, e de outro o casario colonial do século XVII. Tombado pelo Patrimônio Histórico, essa região histórica cresceu em torno do comércio, da pesca e da construção de embarcações. Antigos armazéns e casas de pescadores compõem um mosaico de cores vibrantes, transformados na badalada Passarela do Descobrimento, que abriga em diversos bares, restaurantes, butiques e lojas.

Marco do descobrimento

Museu de Porto Seguro

O Museu de Porto Seguro oferece ao visitante uma oportunidade de reflexão sobre o Descobrimento do Brasil. Nessa região ocorreu o primeiro contato conhecido dos índios, habitantes do território, com os europeus. Mais tarde, escravos africanos foram trazidos em levas cada vez maiores para a América portuguesa. Esses três agentes deixaram marcas profundas na cultura brasileira e transformaram toda a costa Sul da Bahia.

memorial

Memorial da Epopéia do Descobrimento

No memorial os visitantes podem apreciar, entre outras atrações, um jardim botânico com 20 mil metros quadrados, a réplica da Nau Capitânia, que trouxe Pedro Álvares Cabral e sua tripulação ao Brasil – com 30 metros de comprimento, 8 de largura e 7 de altura -, além de uma “Exposição Didática”, com informações sobre o Brasil e Portugal.

monte
Monte Pascoal

Tombado como Patrimônio Histórico Nacional, distante cerca de 156 km da sede do município, abarca as regiões alagadiças, restinga, mangue e litoral ao redor do monte rochoso, alto e arredondado, aceito como o primeiro ponto de terra firme avistado pela tripulação do navegante português, Pedro Álvares Cabral. Possui área de 14.480 hectares, incluindo uma reserva indígena pataxó. Além da importância histórica, preserva um dos últimos trechos originais de Mata Atlântica no Nordeste, além de abrigar várias espécies animais ameaçadas de extinção.

Indio Pataxós
Reserva Pataxó da Jaqueira

Área de preservação ambiental e afirmação cultural dos índios pataxós, onde são desenvolvidas atividades de resgate dos costumes e tradições indígenas. No local, onde o visitante pode seguir pelas trilhas ecológicas no meio da mata, são feitas apresentações de danças típicas e da culinária, além de palestras para estudantes de Porto Seguro e outros municípios. Na reserva também é cultivado um viveiro de plantas nativas da Mata Atlântica, com cerca de 8 mil mudas, vendidas aos visitantes e utilizadas também para recuperar áreas degradadas.

Praia de Taperapuã

Praia de Taperapuã

Praias

São aproximadamente 90 quilômetros de praias de águas azul-esverdeadas, limpas, calmas, areia branca e fina, destacando-se, no Litoral Norte, as praias do Cruzeiro, Curuípe, Itacimirim, Mundaí, Taperapuã, Ponta Grande e Mutá. No Litoral Sul, temos as praias do Apaga-Fogo, Araçaípe, Mucugê, Parracho, Pitinga, Lagoa Azul (todas em Arraial D´Ajuda); Taípe, Rio da Barra, dos Nativos, dos Coqueiros, Rio Verde (todas em Trancoso); Itaquena, Curuípe, Jacumã, Espelho, Juacema e Caraíva.

Confira algumas fotos das praias de Porto Seguro!Porto Seguro praias

Fonte e fotos: Secretaria Municipal de Cultura e Turismo de Porto Seguro / portosegurotur.com

http://www.nauticomar.com.br/