Em PA, Sintaj requer retorno à fase de rodízio e teletrabalho

Em PA, Sintaj requer retorno à fase de rodízio e teletrabalho

O Sintaj protocolou, nesta sexta-feira (14), um ofício junto ao TJ-BA (Tribunal de Justiça da Bahia) em que manifesta preocupação a respeito da elevação do número de novos casos ativos de Covid-19 e do vírus influenza H3N2 no Brasil, principalmente na Bahia. Embasado em dados dos boletins epidemiológicos divulgados diariamente pela Secretaria Estadual da Saúde (Sesab), que quantificam os números da Covid-19 e da Gripe H3N2 no estado e considerando as projeções dos especialistas para os próximos meses, o sindicato solicitou, por meio do PA (Processo Administrativo) TJ-ADM- 2022/01871, a regressão à Fase 2, que estabelece a manutenção do teletrabalho e reabertura das unidades judiciais e administrativas, somente  na modalidade de trabalho interno, com rodízio de servidores de até 30% do total e em horário de expediente de 9h às 15h, sem atendimento ao público, conforme estabelecido no ATO CONJUNTO Nº 13, de 04 de maio de 2021, artigo 1º, § 1º e § 2º, com exceção de advogados, que serão atendidos nos moldes do artigo 3º do mesmo ato.

Para a executiva do Sintaj o cenário é extremamente preocupante e é dever da entidade zelar pela integridade física e mental de todos, servidores e jurisdicionados. A executiva, portanto, seguirá em máximo empenho para garantir a segurança de toda a categoria e população em geral.

sintaj
sintaj
EDITOR
PERFIL

Posts Carousel

Comente

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Últimas postagens

Mais comentados

Vídeos