Fenajud lamenta e repudia assassinato do servidor Clayton Nazaré, no Pará

Fenajud lamenta e repudia assassinato do servidor Clayton Nazaré, no Pará

A Fenajud (Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário nos Estados) expressa a mais profunda consternação e repudia veementemente o assassinato do Oficial de Justiça, Clayton Nazaré Mesquita, em pleno exercício de suas atribuições, no município de Novo Repartimento. De acordo com informações do Sindicato dos Funcionários do Tribunal de Justiça (SINDJU-PA), o servidor do Tribunal de Justiça foi alvejado e morto nesta quarta-feira (29).

A violência sofrida por Clayton não é única. As atividades externas representam extremo risco para os servidores, o que se confirma com denúncias graves de situações de insegurança em todo país. São inúmeros crimes contra oficiais de justiça, como desacato, roubo, furto, ameaças, entre outros, que trazem insegurança a esses trabalhadores públicos que fazem também a materialização da prestação jurisdicional.

Desse modo, se faz urgente e necessário que todas as medidas possíveis sejam adotadas e reavaliadas pelos Tribunais de Justiça do País para minimizar os riscos, oferecer a segurança necessária e a proteção desses trabalhadores.

Assim como o Sindicato, a entidade se coloca à disposição dos familiares de Clayton neste momento de profunda dor e se prontifica a ajudar no que se fizer necessário. A entidade, por fim, cobra das autoridades a apuração do crime para que os responsáveis sejam identificados, processados e punidos.

 

IMPRENSA/Fenajud

sintaj
sintaj
EDITOR
PERFIL

Posts Carousel

Comente

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Últimas postagens

Mais comentados

Vídeos